Segunda-feira, 17 de Novembro de 2008

Tórrida Noite de Amor

 

 

 

 

 

Este poema seria perfeito para dizer-te tudo o que sinto se................................. fosse só uma noite......................mas é muito mais que isso!!!!! é a vontade e o desejo de ser uma vida em comum............

Escalar-te lábio a lábio,
percorrer-te: eis a cintura
o lume breve entre as nádegas
e o ventre, o peito, o dorso
descer aos flancos, enterrar

os olhos na pedra fresca
dos teus olhos,
entregar-me poro a poro
ao furor da tua boca,
esquecer a mão errante
na festa ou na fresta

aberta à doce penetração
das águas duras,
respirar como quem tropeça
no escuro, gritar
às portas da alegria,
da solidão.

porque é terrível
subir assim às hastes da loucura,
do fogo descer à neve.

abandonar-me agora
nas ervas ao orvalho -
a glande leve.

                                Eugénio de Andrade

 

 


 

Sinto-me: A pensar em ti..............
Estou com está musica na cabeça: ALA DOS NAMORADOS : PERDIDAMENTE
Publicado por c911 c911eutopias às 10:19
link do post | Comenta com ou sem utopias | favorito
6 comentários:
De Bichana a 17 de Novembro de 2008 às 14:29
Olááááááá! Quem é vivo sempre aparece!!!
Hum, pelos vistos andaste (andas) perdido em tórridas noites!
Linda esta versão dos Ala dos Namorados e o poema é... upa upa!!
Bjnhos
P.S. E convenhamos, voltas a matar, este post devia ter bolinha vermelha pela imagem, lolol!
De c911eutopias a 19 de Novembro de 2008 às 12:46
Seja bem vinda menina Bichana.....ou devo dizer dona bichana? Pelos vistos a menina também tem tido umas noites assim para o tórrido ..
Ps : Parabéns , quando é a festa....quero bolo, lol . bjs
De Bichana a 19 de Novembro de 2008 às 14:22
Noites assim para o tórrido?? Não sei do que estás a falar...
Ainda não sei quando será a festa, mas certamente contarei com a sua presença!
Bjnhos e a escolha de outra imagem para o post foi bem conseguida.
De O Homem do Piano a 5 de Novembro de 2009 às 22:47
não ficou muita coisa na noite quente...
Restam lembranças
E sobram vontades.

AM
De Cinderela a 17 de Novembro de 2008 às 18:26
Mas porque é que pensas em mim com uma cara tão diabólica??
Espero vir a fazer-te muito feliz, tal como tu me tens feito.

E é amar-te, assim, perdidamente...
É seres alma, e sangue, e vida em mim
E dizê-lo cantando a toda a gente!

Beijos
De c911eutopias a 19 de Novembro de 2008 às 12:48
Já fazes!!!! Gosto muito das palavras de Florbela Espanca mas prefiro as tuas...........então se sussurradas ao ouvido...........bem lá estou de novo . bjs , todos os beijos do mundo.

Diz a tua realidade ou utopia

Eu, Utopias...

Cuscar neste blog

 

Julho 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

Dentro da validade

Podem repetir se faz favo...

Troca tintas

Carro de Loura

Suspeito muito suspeito

Nada como um bom Hobby

Erro salarial

QUALQUER SEMELHANÇA, NÃO ...

AC / DC

A fome é negra

Portugal no seu melhor

Escritos com teias de aranha

tags

todas as tags

Utopia gostou

prometo

Tantas formas de morrer.....

pantera....

bom dia!!!

duche nos teus braços

A estrela

Fábula do Leão e do Cisne

O Amor de Outra Mulher...

Como Encontrar o AMOR

Saudades

blogs SAPO

subscrever feeds