Quinta-feira, 20 de Novembro de 2008

Aconteceu mesmo?????

 

 

 

 

Eu e a M. continuamos na mesma "rotina" desfrutamos da companhia um do outro com o prazer da descoberta como se fosse a primeira vez, e com a loucura de ser a ultima. Vivemos a tempestade da paixão, com a tranquilidade do amor tudo misturado com requintes de mestria apenas ao alcance de dois seres em perfeita comunhão. Continuamos a tentar ver o mesmo Dvd que teima em não ser visto na integra, falamos de tudo e sobre nada, revisitamos o passado, damos um salto ao futuro, saboreamos o presente, trocamos carícias temperadas com palavras de amor próprias de 2 apaixonados que perderam a razão,pedimos e damos mimos um ao outro, intervalados pelo cigarrinho cúmplice silencioso de uma bela historia de amor. Ontem não foi diferente..................porem não foi igual a nenhum outro dia ou noite. A M. estava cansada e acabou por adormecer com a cabeça em cima das minhas pernas enquanto lhe afagava o cabelo, deixei-a ficar assim ate ao final do filme. Por varias vezes olhei para ela demoradamente estava sorridente e com um ar tranquilo linda, dona de um ar angelical porem com uma sensualidade impar, perdi- me em pensamentos e devaneios enquanto a contemplava...........estivemos em tantos sítios.............sem termos sequer saído daquele sofá. Todas as mulheres têm os seus encantos e formas de encantar.... que a restante população feminina me desculpe................ Mas a M. é linda, rosto de anjo olhos do tamanho do mundo, cabelos de sol, e um corpo forjado na imaginação dos sonhos do universo masculino, seja acordada a dormir ou acabada de acordar é impossível não admirar a sua beleza, foi o que fiz ontem sempre com um sorriso no rosto próprio de quem esta no topo do mundo. Acabado o filme fui abrir a cama, acender uma vela no quarto acordei a Cinderela, que ontem trocou de papéis com a Bela Adormecida, fumamos um último cigarro e fomos nos deitar. O quarto estava quente mas como sempre ficamos com os corpos entrelaçados a trocar mimos e olhares. As palavras deram lugar ao silêncio apenas os olhos falavam, e os nossos lábios quebravam o silêncio............... Porem os beijos deixaram de ser somente beijos, os olhos deixaram de ser somente olhos e já não era olhares que trocavamos, mas sim janelas que abríamos para os segredos mais recônditos de cada um, o cheiro da M. já não era um perfume agradável, mas sim o odor mais inebriante do mundo, o tacto com a pele da M. deixou de ser uma simples troca de carícias para ser a mais agradável das texturas e formas que se pode tocar, trocamos carícias lentamente mas com desejo sem desviarmos o olhar um do outro, exploramos o corpo um do outro demoradamente com o tacto saboreando cada momento como se saboreia um bom vinho, enquanto os nossos corpos encaixavam de forma perfeita um no outro.O silêncio foi dando lugar a murmúrios e palavras sussurrados ao ouvido, penso que ambos hesitamos em fazer amor, estavam a ser momentos únicos e mágicos.........................desfrutamos cada segundo ate o desejo tomar conta dos nossos corpos. Tiramos lentamente a roupa um ao outro, desafiamos as leis da gravidade e a compatibilidade do corpo feminino e masculino, demos larga à entrega mutua que estava a acontecer, e o que aconteceu foi muito mais que excelente sexo, amor ou desejo tórrido.......................foi...........................algo que todos os seres humanos deviam viver pelo menos uma vez na vida. Ficamos demoradamente unidos um ao outro e voltamos a explorar vagarosamente os nossos corpos, ate que adormecemos unidos como um todo. Se houver uma entrega perfeita para se dar início a uma nova vida, será de certeza assim. Foi fantástico antes, durante, depois.....................e ao acordar teres sido a minha primeira visão.

 

 

 

Sinto-me: A contar os segundos....
Estou com está musica na cabeça: Eurythmics : The miracle of love
Publicado por c911 c911eutopias às 17:17
link do post | Comenta com ou sem utopias | favorito
|
12 comentários:
De Bichana a 21 de Novembro de 2008 às 10:15
Se há posts perfeitos este é um deles!Maravilhosamente bem escrito, com uma música apaixonante a acompanhar. Tens mesmo veia de escritor, é impossível não suspirar do início ao fim deste texto. Lindo! Parabéns.
Bjnhos
De c911eutopias a 21 de Novembro de 2008 às 17:32
Sim para a menina deve ser fácil suspirar... tão encantada que anda pelo seu amor. Mas obrigado pelas palavras mais que generosas. bjs
De Bichana a 21 de Novembro de 2008 às 17:59
Vá, depois espero o cheque na minha caixa de correio como combinado...sim, porque isto de vir aqui picar o ponto e ser simpática dá trabalho, lolol!
De Sóumcomentário a 21 de Novembro de 2008 às 10:52
Um dia ouvi uma frase que me ficou e que, quando julgo que posso, a emprego na minha vida, a si aplica-se na perfeição a este dom que lhe é tão inato, a escrita. Deixo-lha: "A quem pode ser brilhante não se lhe perdoa que não o seja!".
Não deixe que o dom se perca nas teias da vida, use e abuse dele porque você não só pode, como deve!...

Bjs
De c911eutopias a 21 de Novembro de 2008 às 17:33
aiaiai priminha, uma menina com tão bom gosto e sempre tão in , e a dizer uma coisa destas... bj
De Bela Adormecida a 21 de Novembro de 2008 às 12:28
Para além de ti só existe mais uma pessoa capaz de testemunhar se o milagre do amor aconteceu mesmo... essa pessoa sou eu! E garantidamente posso afirmar que fui abençoada por um amor como o teu, imensurável, genuíno e único. O teu post demonstra parte da tua sensibilidade e apetência para amar, meu trovador.
Beijos cheios de admiração pelo Homem lindo que és.
De c911eutopias a 21 de Novembro de 2008 às 17:37
Demonstra é a falta de jeito que tenho para a escrita, mas como aos apaixonados se tolera os devaneios próprios da paixão, acho que estamos ambos perdoados pelo que escrevemos...
Ps o facto de te amar não é um devaneio, mas sim uma certeza.
De Bichana a 21 de Novembro de 2008 às 15:52
Apaixonante! Do princípio ao fim!
Bjnhos
De c911eutopias a 21 de Novembro de 2008 às 17:21
Dois comentários ao mesmo post .................... vindo da menina que é uma escritora de mão cheia só posso ficar
De Bichana a 21 de Novembro de 2008 às 16:51
Xi, nem reparei que já tinha comentado de manhã e comentei novamente... Estas coisas do amor dão-me a volta à cabeça e fico a modos que, sorry!
De c911eutopias a 21 de Novembro de 2008 às 17:19
Pode comentar as vezes que quiser..... mas veja lá se o seu mais que tudo não tem mau feitio e me da umas valentes arranhadelas. bjs
De Bichana a 21 de Novembro de 2008 às 18:01
Ele é um gajo civilizado, não se mete em confusões...

Diz a tua realidade ou utopia

Eu, Utopias...

Cuscar neste blog

 

Julho 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

Dentro da validade

Podem repetir se faz favo...

Troca tintas

Carro de Loura

Suspeito muito suspeito

Nada como um bom Hobby

Erro salarial

QUALQUER SEMELHANÇA, NÃO ...

AC / DC

A fome é negra

Portugal no seu melhor

Escritos com teias de aranha

tags

todas as tags

Utopia gostou

prometo

Tantas formas de morrer.....

pantera....

bom dia!!!

duche nos teus braços

A estrela

Fábula do Leão e do Cisne

O Amor de Outra Mulher...

Como Encontrar o AMOR

Saudades

A quantas ando?

Quantos estão a cuscar agora?

online

histates

Quantos são? Quantos são?

Advogados RJ
Advogados RJ
blogs SAPO

subscrever feeds